Mulher se recusa a fazer sexo e é agredida pelo marido com socos e chutes

O caso aconteceu em Governador Valadares na noite de quinta-feira (10/12) quando um homem chegou em casa, quis fazer sexo com a esposa, e recebeu negativa

Uma mulher de 18 anos de idade foi agredida pelo companheiro, de 22 anos, porque ela se recusou a fazer sexo com ele. A agressão aconteceu na noite de quinta-feira (10/12), por volta de 22h40, na residência do casal, no Bairro Jardim Vera Cruz, em uma região conhecida como Niterói, em Governador Valadares, Leste de Minas.  

LEIA MAIS

A mulher agredida contou aos policiais que atenderam ao seu chamado, que estava em casa cuidando do filho, um garoto de 2 anos de idade. Estava na cama, tentando fazer a criança dormir quando o companheiro chegou e quis manter relações sexuais com ela.
Revoltado com a negativa da mulher, o homem, que estaria muito alterado, partiu para a agressão física, desferindo socos e chutes na sua companheira, que conseguiu escapar das agressões por um breve momento, saindo de casa e correndo para a rua.

Mas o homem, segundo depoimento da mulher, foi atrás dela e a alcançou no meio da rua, e continuou a agressão, com mais socos e chutes. Com a chegada da PM, o homem se acalmou e a mulher contou aos policiais militares que agressões como ela havia sofrido naquela noite são frequentes, e que já fez o registro de várias ocorrências contra o companheiro. Na delegacia da Polícia Civil, a mulher pediu ao delegado de plantão uma medida protetiva, apenas. Não quis que fosse aberto inquérito policial contra o companheiro, que será ouvido por um juiz na próxima semana e terá de explicar porque agride a sua companheira, com a frequência que ela relatou à PM.

1 thought on “Mulher se recusa a fazer sexo e é agredida pelo marido com socos e chutes

  1. FELIZ NATAL

    Apesar de tantas perdas
    O que nos sobrou são bençãos.
    A cada dia que para nós o sol nasce
    É motivo de GRATIDÃO!

    O ano passou quase despercebido
    Com tantas marcas de dor.
    Devemos ser gratos e temos motivos.
    Estamos vivos porque Deus nos amou.

    Muitas vidas foram embora felizes
    Pois, já estão livres do mal.
    Para estes a eterna festa
    Não é o tradicional Natal.

    O amor de Deus é infinito
    Mas a justiça é também.
    Para quem plantou em vida
    Vai receber no além.

    Eu não um parasita,
    Muito menos radical.
    Mas aproveita enquanto há vida
    Receba o Messias neste Natal.

    Esta data na verdade é simbólica
    Mas o nascimento de Jesus é real.
    Permita então que ELE nasça em você,
    E à todos: UM FELIZ NATAL.

    Leny Alves Silva

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

pt_BRPortuguês do Brasil