Coronavírus já circulava na China em outubro, diz estudo

O estudo analisa a conjunção única de eventos que permitiram a expansão global do novo coronavírus.

O novo coronavírusjá circulava silenciosamente em Wuhan, cidade da China, em outubro do ano passado, alastrando-se “aleatoriamente e sem mostrar sinais epidêmicos”.

A informação está presente em resultados de um estudo publicado pela revista Frontiers in Medicine.

Embora o surto tenha sido oficialmente anunciado em dezembro de 2019, análises da filogenética indicam que o coronavírus estava em dormência desde outubro em Wuhan, na província chinesa de Hubei.

“Nesta fase de latência, a infeção seguiu o seu curso silencioso”, afirmou a equipe de investigadores, que é formada por:

  • Jordi Serra-Cobo Marc López, da Faculdade de Biologia e do Instituto de Pesquisa em Biodiversidade da Universidade de Barcelona;
  • Roger Frutos, do Centro de Cooperação Internacional em Pesquisa Agronômica para o Desenvolvimento da França;
  • Christian A. Devaux, do Centro Nacional de Pesquisa Científica.

O estudo analisa a conjunção única de eventos que permitiram a expansão global do novo coronavírus.

O vírus tem um longo período de incubação, um alto número de casos assintomáticos e beneficia-se da alta mobilidade internacional.

CANAL TELEGRAM: TARCISO MORAISFundador e editor-chefe da RENOVA Mídi

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

pt_BRPortuguês do Brasil