Respirador projetado pela NASA será produzido no Brasil

Respirador é essencial para o funcionamento de UTIs que recebem pacientes da covid-19.

O respirador VIDA, que foi desenvolvido por engenheiros da NASA, será produzido também no Brasil

A empresa de equipamentos médicos Russer, de Indaiatuba, interior de São Paulo, recebeu no último dia 17 o aval da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) para comercializar o produto.

Desenhado no Laboratório de Propulsão a Jato da agência espacial dos Estados Unidos, o VIDA passou por adaptações no Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (SENAI-Cimatec), em Salvador, durante cerca de dois meses e meio.

As informações foram publicadas, nesta segunda-feira (24), pela revista Exame:

“A agência americana liberou a patente do respirador durante a pandemia. A Nasa também fez uma chamada pública para licenciar a tecnologia, que atraiu o interesse de 331 empresas, sendo 30 do Brasil. 

Destas, foram selecionadas 28 – nove delas dos Estados Unidos e duas no Brasil (SENAI-Cimatec e Russer). O primeiro lote produzido no Brasil deve ser de 300 respiradores. Cada um custará R$ 59 mil.”– PUBLICIDADE –

CANAL TELEGRAM: REDAÇÃO RENOVA MÍDIA

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

pt_BRPortuguês do Brasil