Governadores terão que explicar 16 milhões de doses não usadas

PGR identificou discrepância entre as doses repassadas pelo Governo

Nesta quinta-feira (15), o Gabinete Integrado de Acompanhamento da Epidemia de Covid-19 (Giac), enviou um ofício a todos os governadores do país solicitando esclarecimentos sobre a diferença entre as quase 16 milhões de doses das vacinas enviadas aos estados e o total de doses realmente aplicadas em cada unidade federativa.

O documento, assinado pelo procurador-geral da República, Augusto Aras, e pela subprocuradora-geral da República e coordenadora finalística do Giac Célia Regina Souza Delgado, aponta que governo federal enviou 48.088.916 doses aos estados, mas 15.928.407 delas não foram aplicadas.

Foram enviados ofícios específicos para cada governador detalhando quantas doses foram enviadas e aplicadas em sua própria unidade federativa. O prazo para prestar os esclarecimentos é de 10 dias.

Pierre Borges –  atualizado em 16/04/2021 15h44

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

pt_BRPortuguês do Brasil