Lira avalia que a CPI da Covid ‘não vai trazer efeito algum’

Deputado Arthur Lira em entrevista coletiva Foto: Luis Macedo/Câmara dos Deputado

Parlamentar diz que “não dá para apurar crime de guerra no meio da guerra”

O presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira (PP-AL), avalia que a Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Covid “não vai trazer efeito algum”. O parlamentar, que classifica o colegiado como um “erro”, diz não acreditar que a comissão esteja apontando caminhos importantes.

Em entrevista ao jornal O Globo, Lira reforçou críticas contra a instalação da CPI durante o combate à pandemia. Segundo ele, diante das dúvidas que ainda existem sobre a doença, não dá para “apurar crime de guerra no meio da guerra”. O parlamentar ainda criticou a polarização política que a comissão vem apostando.

Lira defende que não houve atraso na compra de vacinas da Pfizer.

– Participei das conversas com a Pfizer, numa reunião em fevereiro com o Rodrigo Pacheco, o (Paulo) Guedes, o general (Luiz Eduardo) Ramos e o presidente Bolsonaro. Naquela época, não tinha autorização da Anvisa e achavam que o contrato era leonino. O que dissemos? Se tem dinheiro, se tem empenho, se o mundo todo está assinando esse contrato… Então faça – contou.

De acordo com ele, mesmo que o governo tivesse adquirido os imunizantes antes, a quantidade de doses não era o suficiente.

– Ajudaria muita gente. Mas resolveria o problema da pandemia? – questionou.

Na visão do deputado, tal posicionamento não quer dizer que não é importante salvar vidas.

– Estou dizendo que não é a salvação da pandemia. Qualquer vida é importante. Salvar uma vida é bom demais. Agora, não sou governo. A minha atuação nisso foi fazer com que assinassem – afirmou Lira.

Pleno.News – 22/06/2021 11h13 | atualizado em 22/06/2021 11h43

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

pt_BRPortuguês do Brasil