Ao lado de Bolsonaro, médico diz que cirurgia está afastada

Presidente e seu cirurgião conversaram com Sikera Jr, nesta quinta-feira

Nesta quinta-feira (15), o presidente Jair Bolsonaro concedeu uma entrevista ao apresentador do programa Alerta Nacional, Sikera Jr. Bolsonaro deu declarações ao lado do cirurgião gástrico, Antonio Luiz Macedo.

– Tudo isso aconteceu devido a uma facada que eu recebi e a quatro cirurgias, essa obstrução, ela é sempre um risco muito alto, mas graças a Deus de ontem para hoje evoluiu bastante esse quadro, a chance de cirurgia realmente está bastante afastada – falou Bolsonaro.

Questionado, ele disse que espera ter alta nesta sexta-feira (19).

Macedo destacou que o presidente melhorou.

– O presidente hoje melhorou. A cirurgia, em princípio, está afastada, uma vez que o intestino começou a funcionar e o abdome esta mais flácido e mais funcionante. Os barulhos do abdome são bons, os fluidos são bons, e aquela área obstruída, do lado esquerdo [do intestino], fruto de aderências decorrentes de toda essa complicação que ele teve, já está mais permeável, já está mais palpável, mais absorvida e pode permitir a nós a retirada da sonda gástrica enquanto mantendo ainda uma dieta líquida – explicou.

Macedo acompanha Bolsonaro desde o atentado sofrido por ele durante a campanha presidencial de 2018. Nesta quinta, ele destacou ainda que o presidente foi, de fato, vítima de uma facada.

– O que temos a comentar é o seguinte: o presidente realmente sofreu, em 2018, uma facada com perfurações múltiplas no intestino – falou.

Pleno.News – 15/07/2021 19h16 | atualizado em 15/07/2021 19h54

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

pt_BRPortuguês do Brasil