Tiro interrompe coletiva de Trump na Casa Branca

Sede do governo americano entrou em lockdown após disparo feito por agentes do serviço secreto

Casa Branca, sede do governo dos Estados Unidos, entrou em lockdown após dois tiros serem ouvidos durante a coletiva do presidente Donald Trump. Os disparos foram feitos do lado de fora da Casa Branca.

Trump discursava enquanto foi discretamente interrompido por um segurança e retirado do salão.

O Serviço Secreto americano ativou um protocolo de segurança e o local entrou em lockdown (fechamento total) impedindo a entrada e saída de pessoas. Os jornalistas ficaram trancados na sala de imprensa.

Após alguns minutos, Trump retornou ao seu discurso e disse que uma pessoa havia sido baleada pelo Serviço Secreto do lado de fora da Casa Branca. O presidente não deu maiores detalhes sobre o caso.

Parece que agentes da lei atiraram em alguém, no suspeito. E o suspeito está a caminho do hospital“, explicou.

Trump garantiu não ter qualquer informação sobre a identidade ou a motivação da pessoa baleada. Questionado pelos jornalistas se a pessoa estava armada, respondeu: “Pelo que entendi, a resposta é sim”.
Autoridades estão investigando o ocorrido.

HMH umberto Martins10/08/2020 19:11 – atualizado 10/08/2020 19:53COMPARTILHE

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

pt_BRPortuguese