Prefeito decreta dia de jejum e oração contra Covid-19 no Pará: “Pedimos misericórdia”

Decreto municipal convidou moradores da cidade de Bom Jesus do Tocantins, no interior do Pará, para um dia de jejum e oração contra o contágio da Covid-19.

O prefeito da cidade de Bom Jesus do Tocantins, no interior do Pará, decretou o último domingo (21) como o “dia de jejum e oração contra o contágio da Covid-19”.

No decreto, o prefeito João Cunha Rocha (PSC) considera que o município tem tradição cristã e que a história bíblica se funde com a história da humanidade. Ele recomenda à população que se dedique “a jejuar e orar a Deus pedindo que tenha misericórdia da população, diante da pandemia mundial de Covid-19, que se encontra adoecendo e matando pessoas em nosso município, no nosso país e milhares de pessoas no mundo”.PUBLICIDADE

Prefeito João Cunha Rocha decretou dia de jejum e oração contra a Covid-19. (Foto: Reprodução/Prefeitura de Bom Jesus)
Prefeito João Cunha Rocha decretou dia de jejum e oração contra a Covid-19. (Foto: Reprodução/Prefeitura de Bom Jesus)

Para isso, o prefeito se baseou no texto bíblico de Ester 4:16-17, explicando que “encontramos um pedido da Rainha Ester para que o povo judeu jejuasse em favor dela, porque ela entraria na presença do Rei para intervir em favor de seu povo que seria destruído”.

O decreto cita ainda a passagem bíblica de 2 Crônicas 20, na qual “diante de inimigos terríveis e imbatíveis, o Rei Josafá determinou jejum para todo o povo de Judá e passaram a clamar a Deus”.

O prefeito apresenta ainda o texto de Jonas 3, que relata o momento em que “o Profeta Jonas foi até a cidade de Nínive e já havia uma sentença de destruição para aquela cidade, mas o Rei de Nínive temeu a Deus e decretou jejum para todos, e que, em todos esses casos, Deus ouviu as orações e respondeu ao povo trazendo livramento e vitórias”.


(Foto: Reprodução)

Em transmissão ao vivo feita no sábado (20) através da página da prefeitura de Bom Jesus do Tocantins, no Facebook, o Secretário Municipal de Educação, Gilberto Vieira Pontes, apareceu em cima de um carro de som, orando pelas ruas da cidade.

“Essa opressão e essa contaminação que temos vivido, nós sabemos que o homem sozinho não tem condições de vencer. Por isso nós buscamos a presença do Senhor para nos ajudar, para nos socorrer neste momento. Por isso eu peço a você que, em oração, busque ao Senhor”, disse Pontes.

“Por isso nos humilhamos diante da Sua presença e clamamos a Sua misericórdia e o Seu favor, em nome do Senhor Jesus. Deus querida, venha nos ajudar, venha Deus amado derramar Sua graça e misericórdia sobre esse povo”, acrescentou.

Segundo o mais recente boletim da Secretaria de Saúde do Pará (Sespa), a cidade — com cerca de 17 mil habitantes — registra 529 casos da doença, 13 mortes e 495 recuperados de Covid-19.

FONTE: GUIAME, COM INFORMAÇÕES DO G1 ATUALIZADO: SEGUNDA-FEIRA, 22 MARÇO DE 2021 AS 11:19

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

pt_BRPortuguese