fato inusitado Homem abriga refugiada, mas se apaixona e deixa família

Caso aconteceu no Reino Unido

No Reino Unido, uma separação ganhou repercussão em vários jornais. Um homem abandonou a esposa e duas filhas após se apaixonar por uma refugiada ucraniana, que estava sendo abrigada em sua casa. 

O casamento do segurança Tony Garnett com Lorna Garnett durou 10 anos. Da união, nasceram duas meninas que, atualmente, têm 3 e 6 anos de idade. No entanto, o relacionamento ficou abalado, e acabou desfeito, com a chegada de Sofiia Karkadym, de 22 anos, que foi acolhida por conta da guerra.

Sofiia foi recebida em Bradford, no Reino Unido, após fugir de sua cidade natal, Lviv, no oeste da Ucrânia. Ela e Tony relataram que, assim que se viram, se sentiram atraídos. Por isso, o britânico decidiu pedir o divórcio e mudou-se com a ucraniana para a casa dos pais dele.

Ao The Sun, a esposa abandonada, Lorna, contou que não pensou que seu marido se apaixonaria pela refugiada a ponto de deixar a família. Ela afirmou ainda que Sofiia estava “de olho” em Tony desde o início.

– Ela estava de olho em Anthony [Tony] desde o início. Decidiu que o queria e o levou. Ela não se importou com a devastação que deixou para trás. Tudo o que eu conhecia virou de cabeça para baixo no espaço de duas semanas – falou.

À imprensa local, Tony contou o seu lado da história.

– Em casa, percebi que estávamos encontrando desculpas para nos tocar, houve muito flerte, mas nada mais do que isso aconteceu naquela fase. Mesmo que fosse algo bastante inocente, estava causando discussões. Eu posso entender isso. Quando eu chegava à noite, Sofiia era quem fazia uma refeição para eu experimentar. A atmosfera estava ficando muito ruim e Sofiia me disse que não sabia se poderia continuar morando conosco nessas circunstâncias – relatou.

A separação veio após Lorna confrontar a refugiada a respeito do que estava ocorrendo. Após ver que a ucraniana deixaria a casa, Tony avisou que também iria.

– Se ela sair, eu vou junto – falou.

Ele e Sofiia partiram e, agora, procuram um imóvel. Tony frisou que o que ocorreu não é culpa de Lorna.

– Sinto muito pelo que Lorna está passando, não foi culpa dela e não foi por nada que ela fez de errado. Nós nunca planejamos fazer isso e não queríamos machucar ninguém –

As informações são do UOL –26 de maio de 2022 Adriana Araújo

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.